Fundação Viva entrega donativos recolhidos na campanha “Natal Solidário”

Lágrimas nos olhos, sorriso nos rostos já marcados pelo tempo. Essas foram algumas das reações dos 70 idosos atendidos pelo Asilo Bezerra de Menezes, casa de acolhimento em Sobradinho, Distrito Federal, que a Fundação Viva de Previdência escolheu para ajudar na campanha “Natal Solidário VIVA” em 2017.

Ao todo são atendidos 36 mulheres e 34 homens que necessitam de todo tipo de auxílio: motor, psicológico, alimentício, vestuário, além é claro de muita atenção e carinho. Os colaboradores da VIVA se uniram em uma corrente de solidariedade e juntaram uma quantidade significativa de doações, entre roupas, perfumes, cremes, calçados, itens de cama, banho e de higiene pessoal e básica, para a instituição.

 

Parte dos 70 idosos atendidos pelo Asilo Bezerra de Menezes, em Sobradinho-DF

 

Para a Assistente Social do Asilo, Luciene Mendes do Nascimento, essa atitude demonstra um grande sentimento de humanidade. “Ajudar nas necessidades do próximo é um dos gestos mais bonitos que uma pessoa pode fazer por outra. A Fundação está de parabéns pela campanha e principalmente os funcionários por aderirem. Nós agradecemos muito por termos sido a casa escolhida para receber os donativos.”

 

Quase um século de vida

Dentre os moradores da casa há Francisca Alves, nascida em 17 de agosto de 1918 em Quixadá (CE). Aos 99 anos de idade, vários momentos marcaram sua vida quase centenária. Um dos mais marcantes foi o fato de ter conhecido Virgulino Ferreira da Silva, o famoso cangaceiro conhecido como “Lampião”. Bastante comunicativa e com uma memória de fazer inveja aos mais jovens, Dona Francisca conta um pouco sobre esse período. “Ele almoçou na casa do meu esposo. Pediu para escolher o cardápio, disse que comia carne de carneiro, galinha ao molho e cuscuz. Almoçaram ele, Maria Bonita e mais seis capangas. À noite ainda fizemos uma festa numa casa ao lado da minha. Lampião disse que nunca havia matado ninguém”, afirma Francisca.

Francisca Alves, 99 anos. Conheceu Lampião, Maria Bonita e seu bando.

 

Manoel Quirino, 72 anos, agradece o gesto feito pelo pessoal da VIVA que, certamente, levou mais alegria a todos nesta época de natal. “É muito importante essa ajuda que vocês estão dando para nós. Foi inesperado, Deus tocou nessas pessoas”, fala emocionado. Clique aqui para assistir o depoimento completo.

 

O Diretor-Presidente da Fundação, Sergio Martins Gouveia, explica que esta é só a primeira campanha social que a entidade promove e que muitas outras virão. “A VIVA tem um compromisso social com o País e certamente outras campanhas serão criadas neste sentido. Nosso foco é previdência complementar, pecúlio, mas não se trata apenas disso. Temos a responsabilidade de contribuir com os mais necessitados e ajuda-los a terem uma vida mais digna, mais confortável, sobretudo quando se trata de idosos que tanto já contribuíram para o Brasil”, afirma.

Compartilhe este artigo:

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

X